3 de jan de 2013

(Maratona 5/5)15º Capitulo - Eu gostei, Joe | 2ª Temporada.


"Havia lágrimas em seus olhos[...] Mas você escorregou dos meus dedos, toda vez que você vai."

Quando olhei no seu rosto me espantei. Não podia estar acontecendo de novo.


_Por que você esta chorando?

_Por que eu te perdi.

_ Joe, não faz assim._ passei a mão em seu rosto.

_ Demi, eu não aguento mais.

_ Por que?

_ Ver você com o Nicholas, me mata aos poucos.

_ Eu estou namorando ele, Joe. Vai ter que se acostumar.

Joe ficou em silencio me encarando e percebi que ainda estava com a mão em seu rosto e ele pós sua mão em cima da minha.

_ Vou voltar pro meu apartamento. _ passei o polegar em seu rosto e tirei minha mão _ Hm... meu celular.

_ Fica aqui comigo. Por Favor, vamos conversar, assistir filmes ou algo do tipo. Não me deixe sozinho, eu tenho sentimentos.

_ E eu também, não sei se irei controla-los perto de você. _ disse sem pensar e vi o olhar travesso do Joe, levantando uma sobrancelha.

_ Então não controle. _ ele me puxou para perto dele, fiquei entre suas pernas._ Eu sei que eu mexo com você, Dem._ ele disse com aquela voz rouca no meu ouvido.

_ Joe..._ ele beijou meu pescoço me deixando arrepiada._ Joe, para.

_ Quer que eu pare?_ ele foi subindo os beijos, criando um caminho do meu pescoço até meu queixo, indo em direção a minha boca.

_ Não..._ disse e logo me toquei que ele beijou o canto da minha boca. _ Para._ como ele me prendeu entre suas pernas eu o abracei, escondendo meu rosto em seu pescoço. Ele ficou beijando o meu ombro.

_ Vamos assistir alguma coisa, vem. _ ele me soltou e desceu da bancada da cozinha, me deu a mão e me carregou para a sala. Ele pegou um dvd e me mostrou _ Gosta? Atividade paranormal?

_ Gosto, tenho medo mas gosto._ Ele colocou e se sentou no sofá e me puxou delicadamente para chegar mais perto dele. Encostei minha cabeça em seu ombro e ele passou os braços em volta de mim.

Depois de alguns minutos eu estava sentada no colo do Joe, tampando meus olhos com as mãos mas assistindo o filme por entre os espaços do meu dedo.

_ Demi, achei que você gostasse.

_ E gosto, mas morro de medo.

Pronto o filme estava agora no fim começou a passar os créditos.

_ Aff, agora eu vou ter medo de dormir a noite.

_ Dorme comigo?

_ Joe._ disse reprovando seus pensamentos pervertidos.

_ Não tem problema se não acontecer nada.

_ Para mim parece como uma traição.

_ Você sente algo por mim, Dem.

_ Eu namoro o Nick.

_ Namora, mas ama ele?

_ Claro.

_ Não me convenceu.

_ Então como eu provo?

_ Me beija e diz que não senti nada.

_ Então ta.

Cheguei mais perto ainda de seu rosto - já que eu estava em seu colo - rocei nossos lábios, e o beijei,ele pediu passagem para sua linguá e deixei. Começou um beijo calmo e incrível, Joe beijava muito bem. Coloquei minha mão na sua nuca passando os dedos por entre seu cabelo. O beijo perfeito, estávamos em sincronia, ele explorava minha boca e eu o mesmo, tentando decorar cada momento, cada segundo. Cada vez que sua linguá tocava na minha acontecia um choque. Joe começou a deitar no sofá, me levando junto. O beijo começou a ficar ardente e feroz. Separei um pouco o beijo e mordi seu lábio inferior fraquinho e dando uma puxadinha. Mordi seu queixo e olhei em seus olhos. Mas percebi uma coisa, eu sinto algo muito forte por ele. Joe era o sonho de qualquer garota, moreno, forte, lindo, sensual, romântico, sensível e aqueles olhos magníficos que me arrepiam.

_ Agora me diz, o que sentiu quando me beijou? Sinceridade, Demi.

_ Eu gostei, Joe. Não vou mentir, mas não pode acontecer de... _ Joe me beijou segurando na minha cintura, me apertando contra ele e separou com selinhos_ ...novo.

_Eu poderia nos imaginar de inúmeras formas. Desde o fundo de uma boate até uma cama em um lugar escuro._ ele disse passando as mãos pelas minhas costas.

_ Who's That Boy, você lembra?

_ Claro você escreveu para mim. _ ele sorriu_ Eu não sei quem você é, mas você parece uma estrela e todo mundo aqui está pensando, quem é aquele cara?

_Quero te levar para casa e te pegar totalmente sozinho. E todo mundo aqui está pensando, quem é aquele cara?

_Você é muito sexy cantando para mim.

_ E você é muito bobo. _ passei a mão em seu peitoral _ Venha, segure a minha mão e dance a noite toda. Me dê o sinal verde. Beije meus lábios. Quem é aquele cara olhando o meu quadril?

_ Sou eu. _ ele passou as mãos no meu rosto.

Lembrei do Nick e me afastei ainda estando no colo dele, me sentei e ele levantou seu tronco para ficar perto de mim de novo.

_ Demi...

_ Eu não posso.

_ Você gosta de mim, eu tenho certeza. Não é?



FIM DA MARATONA

(+5 comentário?)